Terça-feira, 24 de Fevereiro de 2015

-=Regresso ao ponto de partida=-

Bem, como coloquei no meu Facebook, o Blogger, fez-me um ultimato e decidi fazer um regresso a casa. Para quem não sabe, o blog Os M3us P3nsam3entos começou no Sapo.

O mais engreçado de tudo isto é que consegui ficar com o mesmo endereço que no dia 07 de Setembro de 2004, deu a conhecer a minha vontade de escrever. 11 anos depois, muito mudou. A prosa deu lugar à poesia, as palavras e os pensamentos amadureceram, mas o tema principal do blog todo mantém-se, o amor e o desejo por quem se ama. 

Tenho alguns textos já escritos que tenho de colocar numa bonita imagem para voltar a publicar periodicamente. 

A todos os que já fizeram comigo este regresso aos Blogs do SAPO, sejam bem vindos de volta! 


publicado por -=amadorjp=- às 20:19
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 12 de Março de 2013

-=Viagem no tempo 1=-

Hoje fui encontrar algo que escrevi à muito tempo apenas para mim, mas que está atual. Nessa altura, decidi dar uma volta de 180º na minha vida. Desde então, passei a centrar a minha vida naquilo que é essencial e sobretudo centra-la em mim! Se pensarmos bem, apenas uma coisa está sempre presente na nossa vida, nós próprios.

 

Mudar é possível

Hoje vou mudar, vou seguir caminho e partir rumo à minha vida. Tudo começa com o amor próprio, com o gosto por mim. Hoje vou por-me bonito, para mim. Não vou mudar tudo, pois mudar de um dia para o outro é sempre uma farsa. Começo por tirar os pelos que há a mais, fazer a barba e tomar um banho bem aconchegante. Depois vestir uma roupa mais elegante, uma camisa, um pullover mais bonito e sapato, porque se é para melhorar vale a pena. Para não ser demais, a calça de ganga fica. Um creme na cara, um perfume suave e um sorriso para o espelho e a mentalização de que o dia vai ser bom.

A verdadeira mudança é feita dentro de mim, olhando as coisas pelo seu lado bom, vivendo cada dia como se fosse o último, cada momento com a intensidade que ele merece. A vida está sempre a passar-nos a perna, mas o importante é levantar e seguir caminho.

A partir de hoje, eu sou o mais importante. Tenho de seguir o meu coração, a minha mente e fazer o que eu quero. Deixar para trás a opinião dos outros e não me deixar levar pelos outros. Eu sei o que é melhor para mim e mesmo que falhe alguma vez, só com o bater da minha cabeça é que vou aprender.

Escrito em 2004

(continua)

tags: , ,

publicado por -=amadorjp=- às 21:31
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 19 de Julho de 2009

Amor que me envolve


publicado por -=amadorjp=- às 16:32
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 1 de Junho de 2007

O mar

Fotografia de Amadorjp tirada no Pico - Açores

O mar é a magia que nos une, que nos funde em um só. É a chama que lentamente ilumina o nosso mundo e o sol que nos mostra o caminho. O mar é o segredo que se esconde, a fantasia que nos percorre e o prazer que entregamos neste vai e vem de ondas de dois corpos. O mar é a sombra que nos persegue, o descanso que nos acalenta e o futuro que nos encontra. O mar é o céu de um mundo térreo, o palpitar de um coração em desnorte e o olhar de uma criança que se ama. O mar é tudo!

-=amadorjp=-

publicado por -=amadorjp=- às 13:02
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 16 de Abril de 2007

São dias

Temos dias em que o mundo nos escorre em pequenas gotas, que nos foge por entre os dedos fogazmente sem que possamos correr atrás dele. Dias em que o a companhia se torna o elo mais fraco e merece a descarga da furia dos demais. Dias em que o peso que o mundo carrega se abate sobre quem amamos sem apelo nem agravo, fazendo com que o dia pareça uma noite chuvosa. São dias em que o amor perdura, mas é sacudido por momentos de tristeza. São dias, apenas dias que passam por todos nós.
Amadorjp

publicado por -=amadorjp=- às 22:56
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 8 de Abril de 2007

Nas entrelinhas

Viajaram gestos como setas e em largos espaços feriam o coração apaixonado. Eram gestos de indiferença desprezo pelas palavras dedicadas e entregues com magia. Gestos que criaram pequenos lagos que nasciam nos seus olhos e se descreviam em ondeares de rosto abaixo. Assim, ficou no calar da noite, no vazio da cama cheia, olhando a lua lá fora. Viu o vento que agitava os mundos lá de fora e sorriu, pois dentro dele a força do amor acalentava o coração ferido e fazia dele um coração de peito cheio, um coração recheado de amor e força.
Levantou-se, enxaguou as lágrimas que teimavam e cair e pensou dormir sobre o assunto, mas o peito pedia para deixar as palavras espraiadas no papel e assim o fez.
Pegou na sua caneta e procurou um luz trémula que existia no canto do quarto. Escreveu o que o peito mandou num papel que no seu interior continha palavras de amor, na esperança que estas inundassem o coração do outro lado, abrindo-o também para o dia que se avizinhava. Por fim, deitou-se e dormiu.
Pela manhã leu o que tinha escrito naquele silêncio da noite e viu que o amor do outro lado da folha tinha inundado aquele lado também. Aqueceu as palavras frias e rimou as palavras esquecidas, fez do triste texto um conjunto de rimas que encerravam amor em cada recanto. Fechou-o e entregou-o a quem o merecia. Espero que saibas ler nas entrelinhas.

-=amadorjp=-

publicado por -=amadorjp=- às 08:23
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 7 de Abril de 2007

...

No silêncio da noite o corpo viajava, bailava num quente compasso. Era só e somente só, mas o sonho era mais que aquela cama. Desejava, apaixonava e amava apenas de peito ardente e no meio de tanta paixão, lá soltava o nome entre os amores que entregava no silêncio.
Era tarde, mas o dia florescia no seu pensar. O corpo urgia em calor e as mãos viajavam em desejo. Entre gestos bruscos tocava o seu corpo e denunciava o grito urgente de desejo. Passo a passo o corpo estremecia mais e mais e a vontade louca subia para não mais parar. Aguentou e aguentou uma vez mais até atingir o limite das forças. Num espasmo louco viu a sede subir à boca e o desejo espraiar-se na cama que ardia.
O despertador tocou, abriu os olhos e viu a almofada vazia do seu lado e a vontade intacta dentro de si. Nesta noite percorremos estes sonhos corpo a corpo.

-=amadorjp=-

publicado por -=amadorjp=- às 09:40
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 30 de Março de 2007

Luar

A luz faltou e apesar do mundo estar do avesso dentro da cama, os meus olhos beijaram-te o corpo iluminado pelo luar quente. Perdi-me no contar dos minutos em que o olhar te bebia os contornos.

Desenhei-te como se de uma folha branca se tratasse e depois colori-te de amor e paixão.
Por breves momentos, pensava que poderias acordar e ver-me ali admirando cada contorno do teu corpo encoberto, mas os olhos pediam-me sempre para te olhar mais uma vez.

Imaginei cada linha debaixo do lençol, tal como te sei de cor. A memória das mãos trazia recordações multiplas de te sentir, de te ter presa nas mãos em liberdade. A minha boca entregou-te mil e um beijos e as mãos abraçaram-te em silêncio, até jurava que suspiras-te numa dessas vezes.

Deliciado com todo o teu explendor e reconfortado de toda a tua beleza, deitei-me na almofada do teu lado, olhando-te. Recordei a guerra debaixo dos lençois que viviamos e deixei-me ali. Quieto, imóvel, apenas tocando-te ao de leve como que bebendo do nosso amor. Murmurei um amo-te atrás da tua orelha, beijei-te o cabelo sedoso e dormi.

-=amadorjp=-

publicado por -=amadorjp=- às 23:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 24 de Março de 2007

Hoje te amo tanto

... Não te importes amor se hoje te amo tanto. Amanhã tens mais uma sílaba e é com ela que te conjugo entre os lençóis.

Rosa Alice Branco

publicado por -=amadorjp=- às 16:18
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 9 de Março de 2007

Os amigos

Os amigos são para todas as ocasiões, não se medem, não se pesam, apenas se adoram e amam.
Os amigos são uma riqueza que nos enche a alma e quando são amigos de verdade, estarão lá nos bons e nos maus momentos, mas preferem aparecer nos maus e passar os bons.
Os amigos de verdade, não olham a meios para alcançar apenas um sorriso na tua face, para te arrancar uma gargalhada, um brilhozinho nos olhos, uma lágrima de saudade.
Os amigos de verdade, não medirão esforços por te distrair, por te fazer sair do sitio onde costumas ir, de te fazer ver o mar...
Os amigos de verdade não deixarão de te ligar, de te mandar mensagens, de te mandar email's, até mesmo de apenas pensar em ti todos os dias, por muito que possas preferir estar sozinho.
Os amigos de verdade, preocupam-se contigo, tanto quanto se preocupam com eles mesmos e desejam para ti, tudo aquilo que desejam para eles.
Os amigos de verdade... são pessoas como eu e tu, que se gostam.

Por Amadorjp a 23-Set-2005 in http://p3nsam3ntos.blogs.sapo.pt/

Dedicado aos meus manos Ricardo e Diana que de tão amigos, são irmãos tal e qual a de sangue que tenho! Se me falta algo aqui, são vocês dois!

publicado por -=amadorjp=- às 23:29
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 23 de Fevereiro de 2007

Digo

"Todos os dias lhe digo que não o posso amar mais,
e todos os dias encontro mais amor em mim para ele."

in Henry e June - Do Diário Intimo de Anaïs Nin


publicado por -=amadorjp=- às 22:41
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 16 de Fevereiro de 2007

O teu corpo

O teu corpo viajando nas minhas mãos, saboreando o navegar quente, intenso e louco. O teu corpo feito meu, nos traços, no prazer, no desejo, no beijo satisfeito. O teu corpo orgasmicamente...meu!
-=amadorjp=-

publicado por -=amadorjp=- às 22:54
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2007

Podemos... no chão

Podiamos jantar um dia destes... assim pelo chão, só nós dois. Punhamos o aquecedor assim à nossa frente, para simular a lareira, espalhavamos almofadas pelo chão, umas velas para um ambiente mais envolvente e um jantar bem caprichado, um jantar bem condimentado e acompanhado por um vinho especial: Monte Velho Tinto.
Depois do jantar podemos envolver-nos numa sobremesa deliciosa seguida de outra só nossa.

A cama fica ali perto, mas com todo o ambiente criado podemos enrolar-nos ali mesmo, pelo chão. Entre beijos e abraços, entre mãos e línguas devoradoras. Perdiamos-nos ali algumas horas, aquelas que o tempo nos deixasse e depois deixar o calor dos corpos aquecer a noite, descansando o teu corpo sobre o meu peito.

-=amadorjp=-

publicado por -=amadorjp=- às 22:30
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 14 de Janeiro de 2007

Publicidade

Lá volta a publicidade:
Abri outro espaço bem aqui ao lado, para colocar aquilo que não têm espaço nos outros blogs.

Nesta altura tenho os espaços:


P3NSAM3NTOS - Poesia e textos de autor envoltos de sentimentos

SIMPL3SM3NTE - Pequenos textos e/ou poesias

D3SABAFOS - Textos críticos e desabafos do quotidiano

BLOG GRUPO 3 - Principalmente curiosidades, brincadeiras e boas descobertas do mundo internautico! Definitivamente o blog mais divertido do grupo.


Aproveito também para anunciar que os blogs Aquilo Que Sonhei e Photo Amadorjp, irão encerrar dentro em breve, visto terem sido integrados nos restantes blogs.

publicado por -=amadorjp=- às 14:16
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 31 de Dezembro de 2006

Neste ano que passa e no que aí vem

Mais um ano que se vira, uma página escrita no livro da minha vida, a cores desejo, a cores de cheiro.
Neste ano escrevi, desalinhei linhas de paixão, de entrega, de vontade, de amor.
Nestes dias entreguei a minha alma e o meu corpo à mulher que amo, criei o novo mundo que rege os meus dias e mudei de latitude e longitude.
Nestes deias que passaram, vivi com saudade, com sonhos, com desejos, mas alimentado de beijos, carinhos, mimos e mais uma vez de muito amor pela mulher que amo, resisti cada dia, cada momento.
Nestes dias que passaram, ficaram chamadas para a família, pensamentos de ocasião, sitios imaginados, viagens programadas.
Por isso, neste dia, que é o último deste ano que se passa, agradeço aos que se privaram de mim para que eu fosse feliz do lado de quem quero, para que eu concretizasse um dos meus grandes sonhos de vida.
O meu agradecimento vai para os meus pais, irmãos e amigos. De certo que muitos por aqui passarão, a vocês apenas peço que deixem uma linha de comentário.
Amanhã, começa um novo ano, um ano que é o primeiro de muitos neste novo estatuto.
Neste ano quero o que todos pretendem, saúde, amor e alguma sorte também, mas quero também poder concretizar alguns sonhos e viver algumas coisas que a vida ainda não me pode dar.
Neste novo ano, quero acima de tudo continuar a ser e a amar como sou, a dar e receber, a viver e ser vivido.
Neste novo ano...quero ser feliz!

Como prometido antes, aqui ficam 3 sonhos que ainda pretendo realizar:
- Ser feliz e fazer quem amo tão feliz como eu!
- Terminar o meu curso e ser Engº. Informático
- Conhecer o mundo viajando
(a publicação de um livro vem depois destes 3 desejos)

A todos os que me visitam, um excelente Ano de 2007. Que este novo ano vos traga tudo o que desejam e ainda algumas surpresas.

Um abraço a todos

P.S.- Mano, 11 anos depois, passamos o ano longe e ainda por cima com uma hora de diferença, mas lembra-te que estarei sempre contigo! Porta-te puto! (Remember: Caipirinha, Passas, Whisky e claro...passas!)

publicado por -=amadorjp=- às 10:16
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 15 de Abril de 2006

O mar

Fotografia: Amadorjp in Pico, Açores

Sentei-me na rocha, olhei o mar sentindo a brisa que dele vinha. Era como um beijo teu, suave e terno, misturado com o salgado das lágrimas que escorrem por não te poder abraçar e beijar tantas vezes quantas as que o desejo anseia.
Olhei o mar revolto, compassado como o meu coração que por ti vibra e pulsa a cada dia mais. Vi o sereno das ondas que se espraiavam e lembrei as nossas noites de amor feito e refeito, no ondulado dos corpos, sedentos e apaixonados um pelo outro. Deslumbrei as gaivotas no horizonte e imaginei-te desse lado, sentada numa rocha...

-=amadorjp=-

publicado por -=amadorjp=- às 14:30
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 10 de Abril de 2006

O Beijo

No nosso beijo, há um recanto de ternura, de carinho partilhado.
O desejo cria e recria o nosso mundo, percorrendo as diferentes tonalidades do prazer.
O olhar, desenha e consome todas as curvas que te descrevem e as nossas bocas, amam-se no entrelaçar das nossas línguas, descobrindo as envolventes nuances de saliva que nos brindam em queres escaldantes.
Entre nós permanece o silêncio colado de duas bocas que se enlouquecem, duas línguas que se amam, quatro lábios sedentos de desvendar os corpos que se beijam.
No nosso beijo, reparte-se a simplicidade e a paixão, acompanhados de caricias suaves na tez que se desnuda a cada momento.
Transpiramos a humidade do desejo, recheada de prazeres que nos envolvem no fulgor de um abraço.
Beija-me agora, para além do beijo traçado no sorriso...

-=amadorjp=-

publicado por -=amadorjp=- às 20:30
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Sábado, 8 de Abril de 2006

Toquei o céu


Contigo toquei o céu. Descobri o macio das núvens ao meu redor.
No dia em que o nosso olhar se entrelaçou, acreditei que eras tu. Fechei o passado no baú do porão e perdi a chave. Naquele dia encontrei-me dentro de ti e vi que lá dentro, eu era tudo e tudo o que me rodeava se desenhava perfeito contigo.
Mandei parar o tempo quando estava contigo e adiantava o relógio na tua ausência.
Dei-te a alma, o corpo e a essência de mim, entregue nos beijos e loucuras que descobrimos.
Preenchi a minha vida de ti, mesmo que a ausência se trocasse de saudade com o vagar dos dias. Dediquei-te poemas, versos e flores, dei-te o mundo em tons de mil cores e ganhei asas para te alcançar a cada sonho.
Hoje saboreio o doce calor do teu beijo, delicio-me com o teu afago, bebo do teu trago e sou teu por inteiro. Vivo no teu céu, alojado na núvem de carinhos que te entrego a cada palavra. Vivo para ti e vivo de ti, saciando a sede com um carinho, afastando o escuro da trovoada que nos assola de vem em quando e protegendo dos trovões, todas estas paixões que são o nosso amor.
Hoje amor... não quero que chova mais, tenho medo que os trovões possam magoar alguém...

-=amadorjp=-

publicado por -=amadorjp=- às 19:04
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar

 

.Junho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. -=Regresso ao ponto de pa...

. -=Viagem no tempo 1=-

. Amor que me envolve

. O mar

. São dias

. Nas entrelinhas

. ...

. Luar

. Hoje te amo tanto

. Os amigos

. Digo

. O teu corpo

. Podemos... no chão

. Publicidade

. Neste ano que passa e no ...

.arquivos

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Maio 2014

. Janeiro 2014

. Outubro 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Dezembro 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.tags

. todas as tags

.Primeiro P3nsam3ntos (Arquivo)

Primeiro Blog P3nsam3ntos

.Contador

contador de visitas para sites
contador de visitas para sites
SAPO Blogs

.subscrever feeds